Acesso Rápido :

[PACKS] TUDO (ou quase tudo) JÁ LANÇADO DO CONAN EM SCAN



Conan - Editora Dark Horse: 
Conan - A Ilha sem Retorno - TradMania
Conan - O Livro de Thoth  - TradMania
Conan - Os Hinos dos Mortos  - TradMania
Conan e as Jóias de Gwahlur  - TradMania
Conan Estrada dos Reis
Rei Conan - A Fenix na Espada
Rei Conan A Cidade Escarlate
Conan o Deus da Meia Noite
A Era de Conan
Conan - A Máscara de Acheron - Adaptação Oficial do Filme - TradMania
Conan - As Filhas de Midora
Conan - O Peso da Coroa
Conan - The Frazetta A Filha do Gigante de Gelo
Conan - Um Por Um
Conan O Barbaro Vol 2 - 2012 - 01 a 13
Conan Os Fantasmas da Costa Negra - 01 e 03
https://mega.co.nz/#!RtUBmSwL!D8ck5HjTzS-rd_D6M368CGY1JJhL2aMqmjdqd2btXTY

Conan Especiais Antigas:
Conan vs Wolverine
Conan vs Runico
Elric & Conan, O Bárbaro
Grandes Herois Marvel 05 - Thor e Conan
O que aconteceria se Conan ficasse preso no século XX
Conan Almanaque 01 a 03
Conan Especial
Conan o Senhor da Floresta
Conan O Usurpador
Almanaque Conan , o barbaro - o filme
Conan - A Caveira de Set
Conan - A Fenix Na Espada
Conan - A Filha do Gigante de Gelo
Conan - A imperatriz verde de Melnebone
Conan - A Rainha Feiticeira de Acheron
Conan - As Mulheres de Conan - dos 15 aos 67 anos
Conan - Cerco de Makalet
Conan - Deuses da Montanha
Conan - Espada e Magia 01
Conan - Guerreiros do Tempo
Conan - Nascido no Campo de Batalha
Conan - O Castelo da Morte
Conan - o Destruidor - o filme
Conan - o senhor das aranhas Ediçao Especial
Conan - Tesouro maldito
Conan o Indomável
https://mega.co.nz/#!M41WgLBD!chcxY33-NQvd5xsxI87g3keuZFQMKn2-krgSSSP3poM

Conan o Cimerio Vol 1
https://mega.co.nz/#!5wNnlAIA!ATQ5eHlyELX4goPMsSNs2RYqjlk9jKPImSKJWb8OxDM
Conan o Cimerio Vol 2
https://mega.co.nz/#!gglCBTAC!Gp9Tyz6JafKX9mXN2zH-6B1GISZDQShHha8cFtvjlv0

Conan Saga - Abril Jovem
https://mega.co.nz/#!xo8GBSKQ!TG-82HBChTrmo9Cj_T4BTmhmaVwyiWWlnWUAvfZFn_w

Rei Conan - Conan Bloch - O Aventureiro
https://mega.co.nz/#!8gNXmTwT!C4d28y3gx2Ajtnbhd9q8bGt0OScHXsZ7dsyKclUzXQ4


(070) CONAN
CONAN EM CORES 12 EDICOES

CONAN REI COMPLETO EM CORES 24 EDICOES



(071) CONAN O BARBARO EM FORMATINHO ED. ABRIL 1-59 (1992)
LINKS


A Espada Selvagem de Conan - 01 a 206
https://mega.co.nz/#!pldFwRAK!QHyW4A7x1zcyy7rvi8rdyE24O9Z8xYWfIpz24b9LPZc
https://mega.co.nz/#!MxsjzT7S!e89JIxW5BpsJ55EoayqT4nYuBiFIzo-YJHGu7CyvjYk
https://mega.co.nz/#!BwtQAIaa!cD8z6T6cRYz9jyNWMn1TfCWgn8on2Exc8CafET3CCA0
https://mega.co.nz/#!hokkASYY!FF7OOgg2EJ01l3BU6Tjy4ChTJ-F49KnPYcIvGZrIySo
https://mega.co.nz/#!Ew00QK6J!eV07cTR_3Q-QHYYt1AEvQHunVaoKJ9lJlUXFQrakZBo
https://mega.co.nz/#!Ixt1kIaL!BHxzOwsgcSNQ6oAab1pdoiHl9P079wZzQpWwa0YA6HY
https://mega.co.nz/#!V11ByDoI!IiGPtwFsTESKusfFm9lOFHG5togUQ-MqyEeSF5yM_Lk
https://mega.co.nz/#!5tVGlaIA!CMj-xXUbrEqGdsheXrjTczsecutAplwu5OQxfCS3zgo




Conan da Cimeria é o maior personagem da literatura de fantasia heróica—ou "espada & feitiçaria" (sword and sorcery). Criado pelo escritor texano Robert E. Howard em 1932, fez sua primeira aparição na revista pulp Weird Tales no conto chamado "The Phoenix on the Sword" (em português, A Fênix na Espada). Howard escreveu mais dezenove histórias e um romance protagonizados pelo personagem (três dos contos só publicados após sua morte), sendo que outros escritores de renome também criaram histórias de Conan ou reescreveram contos, a partir de sinopses e fragmentos originais após 1936, ano em que Howard se suicidou. Dentre esses recuperadores e continuadores da obra de Howard se destacam L. Sprague de Camp e Lin Carter.
As histórias de Howard sobre Conan—e também sobre Kull, o rei da Valúsia, uma criação anterior a Conan—ajudaram a definir o formato da fantasia heróica como subgênero da fantasia: A ênfase em um herói que é um poderoso guerreiro, hábilespadachim, de disposição violenta e contrária às hipocrisias e fraquezas dacivilização, e que sempre se defrontava com ameaças sobrenaturais sobre as quais sempre prevalecia, fossem elas magosdemônios ou outras criaturas de eras perdidas no tempo.


As histórias de Conan e de alguns outros personagens de Howard se passam na fictícia Era Hiboriana, uma época pré-glacial anterior ao registro da história conhecida, posterior à suposta submersão de Atlântida, segundo L. Sprague DeCamp, doze mil anos atrás, segundo outro autor, Dale Ripke, trinta e cinco mil anos atrás.Saiba, ó príncipe, que naqueles anos em que os mares sorveram Atlântida e os vislumbres de cidades, e à época do surgimento dos Filhos de Aryas, houve uma era inimaginável, durante a qual os reinos de esplendor se espalharam pelo mundo como miríades de estrelas sob o manto azul dos céus - Nemédia, Ophir, Brithúnia, Hiperbórea. Zamora, com suas mulheres de cabelos escuros e torres assombreadas por aranhas misteriosas; Zíngara e a nobreza; Koth, fronteiriça com as terras pastoris de Shem; Stygia, com as tumbas vigiadas por fantasmas; Hirkânia, e os cavaleiros vestidos de aço e seda e ouro. Porém, o reino mais orgulhoso do mundo era a Aquilônia, soberana do Ocidente sonhador. Nesta época surgiu Conan da Ciméria, cabelos negros, olhar sombrio e espada na mão, ladrão, saqueador, assassino, assolado igualmente por gigantescas crises de melancolia e jovialidade, para pisotear os adornados tronos da Terra com suas sandálias." (Crônicas da Nemédia)

A Era Hiboriana

O excerto acima foi retirado do livro publicado pela Editora Conrad no Brasil,[1] com os contos originais de Howard. A tradução deixa a desejar, inclusive a referida citação contém erros que foram reproduzidos fielmente.


Ciméria

Conan é natural da Ciméria, um reino fictício do norte, considerado místico e bárbaro pelos mais civilizados reinos do Sul e que, geograficamente, corresponderia aproximadamente às Ilhas Britânicas. Os cimérios eram, supostamente, descendentes decaídos dos antigos atlantes e eram conhecidos por sua belicosidade, habilidade em escalar obstáculos e ódio aos atarracados pictos e aos ruivos vanires, dois outros povos com os quais disputavam fronteiras.


Quem é Conan

Nascido em um campo de batalhas e filho de um ferreiro, aos quinze ou dezesseis anos, Conan deixou voluntariamente sua tribo e começou a vagar pelo mundo, tendo lutado ao lado dos loiros aesires (de Aesgaard, região que geograficamente corresponderia hoje àEscandinávia), sendo, posteriormente, escravizado pelos hiperbóreos. Escapando, atuou como saqueador, mercenário e pirata, sendo esta fase uma de suas mais marcantes devido a seu grande amor, a morena Bêlit, mais conhecida como a Rainha da costa Negra, que veio a falecer nas mãos do último sobrevivente de uma raça milenar. Durante sua vida enfrentou guerreiros, feiticeiros, monstros, vampiros, demônios, lobisomens e até mesmo criaturas dimensionais. Após inúmeras aventuras, aos quarenta anos, Conan conseguiu se tornar rei da Aquilônia, que, junto com a culta Nemédia, constituíram as mais altivas e poderosas nações hiborianas. Isto se deu após uma sangrenta guerra civil, quando o cimério estrangulou o traiçoeiro regente anterior, Numedides, e usurpou o trono. Após algumas tentativas de deposição, ele teria se casado com a cortesã Zenóbia e tido filhos com a mesma. Depois de cerca de trinta anos no poder, com cerca de sessenta e oito anos, Conan teria deixado o reino para seu filho mais velho, Conn, e partido para o enigmático Oeste, onde, após uma contenda nas misteriosas Ilhas de Antillia, remanescentes da desaparecida Atlântida, teria rumado com velhos companheiros de seus tempos de pirata ao obscuro continente de Mayapan, sendo que até aqui constam suas crônicas. É digno de menção que Robert E. Howard, em carta para o fã P. Schuyler Miller, menciona a visita de Conan ao continente localizado no extremo oeste do mundo, o que pode ter inspirado Sprague DeCamp a escrever o romance Conan das Ilhas que narra justamente esta viagem.


Compartilhe esse post :

+ Risadas Mortais + 1 Risadas Mortais

27 de mar de 2013 09:40:00

Fodastico !!!!

Postar um comentário

 
Modificado por : Copyright © 2011. Coringa Files - Download de HQS - All Rights Reserved